terça-feira, agosto 17, 2010

Luisa apresenta namorado e fala sobre possível volta a TV


Se 2008 foi turbulento na vida de Luiza Mell (31) - o fim do Late Show, programa que comandou durante seis anos na Rede TV!, seguido de uma depressão-, o ano de 2009 foi repleto de mudanças positivas, consolidadas em 2010. "Fiquei mal, mas vejo como um tempo necessário. O sofrimento, de uma forma ou de outra, engrandece", conta ela durante entrevista exclusiva à CARAS em sua casa no Jardim Paulista, em SP.

Completando um ano de namoro com o engenheiro e empresário Gilberto Zaborowsky (48), a apresentadora tem razões para comemorar. "Queremos ficar noivos em setembro. Casamento, talvez no início de 2011. Se Deus quiser, será o meu primeiro e único casamento e o último dele", conta, aos risos, Luiza, já que ele tem cinco filhos de três relacionamentos anteriores: Daphne (25), David (24), Rodrigo (13), Eduardo (7) e Lara (5).

A vida profissional também passou por mudanças, a começar pelo próprio nome que passou a ser grafado com "z", após consulta com uma numeróloga. "Meu nome verdadeiro é Marina Zatz de Camargo e passei a assinar Luiza em homenagem a minha avó, que morreu atropelada em 2000, e Mell porque era meu apelido de infância. O nome artístico pegou e hoje, Gilberto retomou o Marina. Ele me chama assim" , explica a bela, que segue, impávida, sua luta em prol dos animais, como fazia no programa semanal que pilotava na Rede TV!. "Consegui transformações das quais me orgulho, como as proibições da eutanásia dos animais abandonados e dos circos com animais, ambas na cidade de SP. Agora tento validar isso em todo o Brasil. A luta segue" , diz Luiza, que pretende retornar à TV, lançar um DVD infantil e agora se acostuma com a nova vizinhança.

"Com o fim do programa, não tinha o menor sentido continuar morando em Alphaville, onde era a emissora. Estou feliz aqui, principalmente porque sou vizinha de Gilberto. Nos vemos toda hora, todo dia. Com certeza, muito melhor morar perto do que longe" , atesta.

- Como se conheceram?
- Gilberto - Estava separado há um ano e o rabino Yossi Grun Schildkraut disse conhecer uma moça que combinavamuito comigo. De tanto falar, acabei concordando em conhecê-la. Liguei no mesmo dia, tivemos grande afinidade e conversamos durante 37 minutos. Duas semanas depois, saímos e começamos a namorar.
- Luiza - No primeiro telefonema ele contou que tinha cinco filhos. Na hora brinquei, pois o filme predileto da minha mãe, Sandra Zatz , é A Noviça Rebelde e o pai da história tem sete herdeiros. Seus filhos foram o melhor presente e ele é o homem da minha vida.

- Quais as melhores qualidades que vêem um no outro?
- Gilberto - Marina é alegre, divertida, leve e fácil de conviver. Coloca qualquer pessoa para cima. Acorda 'elétrica', parece uma moleca. Entretanto, quando precisa ser séria, ela realmente é. Trabalha com vontade e prazer, acreditando em tudo o que faz.
- Luiza - Gilberto é incrível e tem coração enorme. Me entende, é parceiro, desenvolve trabalho filantrópico e admira a minha doação aos animais. Nos damos bem e nos divertimos muito.

- Vocês estão usando aliança de compromisso...
- Luiza - Gilberto me fez essa surpresa em Nova York. Entrou na Tiffany e comprou. Mas é aliança de namoro. No judaísmo, nossa religião, noivado é feito em cerimônia, na presença de rabino.
- Gilberto - Foi um 'brinde' a um ano de relacionamento. Ela realmente me faz muito bem. Damos muitas gargalhadas juntos. Rimos até das coisas ruins, pois não vale a pena desperdiçar energia.

- Como imagina a boda?
- Luiza - Não precisa ter festa grande. Quero ao meu lado as pessoas que gostam de mim e que a festa tenha essa verdade do amor, o mais bonito do casamento.
- Gilberto - Pensamos em fazer o noivado este ano, mas o casamento será quando a relação estiver ainda mais madura. A prioridade dela para este ano é o trabalho.

- E os projetos profissionais?
- Luiza - A luta em prol dos animais é a minha causa e, desde 2009, desenvolvo o projeto Clube do Cão, parceria com o empreendimento Campos do Conde, condomínio de casas em nove cidades do Brasil que contará com clube para animais e atividades para eles, incluindo adestramento. Além disso, estou produzinho um DVD infantil baseado no meu CD Festa na Floresta , lançado há cinco anos. Os filhos do Gilberto amam e, como entrei no universo das crianças, tenho propriedade para tal. Mesmo não tendo filhos, é como se tivesse, já que tenho relação intensa e profunda com os filhos dele. E vou voltar à TV. É o meu ofício, o que gosto, o que sei fazer e o público quer. Negocio um convite com o qual me identifico.

- O retorno é este ano?
- Luiza - Sim, mas não este semestre. O Brasil já parou para assistir a Copa do Mundo!
Matéria publicada na Revista Caras do dia 08/06/2010
Espero que dessa vez, a Luiza realmente volte prá TV,
sentimos muito a sua falta e os animais precisam da sua ajuda!